O aumento da alíquota previdenciária

Previdência: Para aposentados e pensionistas será aplicado 14% sobre o que exceder três salários mínimos. 

Por Assessoria Jurídica da Aduem - 06/05/20.

O Governo do Estado do Paraná começou a aplicar a alíquota da Reforma da Previdência Estadual aprovada em dezembro do ano passado. A reforma da previdência estadual é aquela que foi votada apressadamente fora da Assembleia Legislativa, no dia 04/12/2019.

Em seção realizada na Ópera de Arame, sob forte manifestação contrária por parte dos servidores públicos paranaenses, os Deputados Estaduais votaram favoravelmente à reforma, que altera as regras para a aposentadoria dos servidores públicos do Estado do Paraná, aumentado idade e tempo de contribuição necessários para aposentadoria. Também traz duas regras de transição para quem já está no serviço público: uma delas é o PEDÁGIO (acréscimo de tempo de contribuição) e a outra é por PONTOS (soma da idade e tempo de contribuição).

O que atinge imediatamente salários, aposentadorias e pensões é o aumento da alíquota previdenciária. De acordo com a Lei Estadual n. Lei 20.122, de 20 de dezembro de 2019, para os servidores em atividade, a alíquota passa de 11 para 14% sobre o total da remuneração. Para aposentados e pensionistas será aplicado 14% sobre o que exceder três salários mínimos (R$3.135,00). Antes da reforma, a contribuição previdenciária para os aposentados e pensionistas incidia sobre o que ultrapassasse o teto do INSS (hoje R$6.101,06). Assim, aposentados e pensionistas foram duplamente atingidos pela reforma.

De acordo com o art. 3º da Lei 20.122/2019, aposentados e pensionista contribuirão com 14% do que exceder 3 salários mínimos “enquanto houver déficit atuarial”. No entanto, muita divergência há sobre a existência ou não desse déficit.

Destaque-se que o aumento da alíquota previdenciária de 11 para 14% representa um aumento no valor do desconto previdenciário no atual cenário de pandemia, sem previsão de reajuste salarial. Ou seja, perda sobre perda.

Dalila Maria Cristina de Souza Paz

Procurar artigos publicados