Outubro rosa, prevenção contra o câncer de mama

Outubro Rosa é uma luta internacionalmente conhecida contra o câncer de mama. O movimento surgiu na década de 90.

No Brasil, desde 2002, outubro passou a ser lembrando como mês especial pela campanha de prevenção contra o câncer de mama. Mas foi a partir de 2018 que a motivação do outubro rosa ganhou força em todas as cidades brasileiras, fazendo campanhas, usando o laço rosa, promovendo eventos e iluminando os principais monumentos com a cor rosa.

Em Maringá, não é diferente, a Catedral Basílica Menor Nossa Senhora da Glória (cartão postal), agora todos os anos, também recebe a iluminação rosa nas noites de outubro.

No entanto, o movimento vai além do laço rosa, é um lamento, pois, para quem descobre e para quem convive com o diagnóstico do câncer de mama, a necessidade de acesso ao tratamento ainda é um problema grave no país. O câncer de mama é o segundo tipo mais frequente no mundo, por isso, merece tanta atenção. Outubro rosa, mas a prevenção contra o câncer é todo dia!

Quando surgiu a campanha?

O Outubro Rosa surgiu na década de 90, nos Estados Unidos, com apenas alguns estados americanos. Com a campanha aprovada pelo Congresso Americano, o mês de outubro foi reconhecido como o mês da prevenção contra o câncer de mama. Depois disso que os laços cor de rosa, símbolo do Outubro Rosa, começaram a aparecer.

O símbolo foi lançado pela Fundação Susan G. Komen for the Cure, durante a primeira Corrida pela Cura, realizada em 1990, na cidade de Nova York.

Os exames

Existem dois exames para identificar precocemente o câncer de mama nas mulheres: a mamografia e o autoexame. Esse tipo de câncer também ocorre em mama masculino, apesar de raro, e pode ser fatal.

Fonte: http://www.outubrorosa.org.br/historia.htm

Procurar artigos publicados