Requião afirma ter sido vítima de bullying

Clipping 27-04-11 brasiliaconfidencial.inf.br

O senador Roberto Requião (PMDB-PR) disse, em discurso no plenário, que foi vítima de bullying e chamou a imprensa brasileira de irresponsável, ao comentar o episódio desta segunda-feira (25), no qual arrancou o gravador das mãos do jornalista Victor Boyadjian, da Rádio Bandeirantes, após ser perguntado se abriria mão da pensão de R$ 24 mil que recebe como ex-governador.
“Acho que é momento correto para resolvermos esse problema e acabarmos comabuso, comesse verdadeiro bullying que nós brasileiros sofremos, parlamentares ou não, nas mãos de uma imprensa, muitas vezes, absolutamente provocadora e irresponsável", criticou o peemedebista.

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Distrito Federal (SJPDF) protocolou representação contra Requião na Mesa Diretora do Senado. Em nota, a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert) classificou a atitude como gravíssima. “É inaceitável que ocupantes de mandatos públicos pretendam impedir o livre exercício da atividade jornalística. Ao fazê-lo, atentam contra um direito fundamental da sociedade ao acesso a informação”, diz a Abert.
A Associação Nacional de Jornais (ANJ) chamou de “truculenta” a postura de Requião e lembrou que a liberdade de imprensa é um direito da sociedade e não pode ser tolhida por ninguém, “muito menos por detentores de cargos eletivos”.

Procurar artigos publicados